SciELO - Scientific Electronic Library Online

 
vol.36 issue40Between the distortions of the electric guitars and the charango: sonic, body and performance in the sound-musical practices of the young musicians Emberá Chamí (Colombia) author indexsubject indexarticles search
Home Pagealphabetic serial listing  

Services on Demand

Journal

Article

Indicators

  • Have no cited articlesCited by SciELO

Related links

  • Have no similar articlesSimilars in SciELO

Share


Anthropologica

Print version ISSN 0254-9212

Abstract

TROTTA, Felipe. Preconceitos, incômodos e rechaços: música, territorialidades e conflitos no Brasil contemporâneo. Anthropologica [online]. 2018, vol.36, n.40, pp.165-191. ISSN 0254-9212.  http://dx.doi.org/10.18800/anthropologica.201801.008.

A música é um artefato importante na construção de identidades e vínculos territoriais, estabelecendo simbologias e imaginários compartilhados que estruturam bairros, cidades, nações. Simultaneamente, articula segregações baseadas em atitudes e sentimentos de negação; rechaços, incômodos e preconceitos contra gêneros e territórios. Neste artigo são analisados os casos dos gêneros musicais brasileiros samba, forró e sertanejo, marcadores de espaços específicos nas hierarquias simbólicas da nação e, por isso mesmo, agentes de conflitos musicais, simbólicos e geográficos.

Keywords : música popular; identidade; territórios; preconceito.

        · abstract in English | Spanish     · text in Spanish     · Spanish ( pdf )